lundi, juin 19, 2017

Queria poder consertar as coisas.
Voltar um mês atrás e fazer diferente.
Enxergar o que vejo agora, o que me cegaram pra não ver.
Queria ter ido te encontrar.
E jogar conversa fora. Te pagar o açaí com leite ninho e ganhar minha fatia de bolo.
Queria ter ido com você lá na batata de Marechal. E te entregar o cheiro de baunilha.
Talvez você agora só seja uma projeção de um momento ruim que vivi que imagino que pudesse ter sido bom e diferente.
Talvez você também pudesse me fazer sofrer. Mas como te coloco no campo das suposições, sua memória vai sempre se manter mágica pra mim.
Vou continuar escondida atrás do meu muro. Longe de seja lá quem possa me fazer mal. Ou bem.
Vai ser melhor assim.

jeudi, juin 08, 2017

Fico feliz que esteja bem.
Deu mais sorte que eu.
Acho que as dores do passado estão pesadas demais.
Essa sensação de que preciso me esforçar pra alguém gostar de mim.
Aí quando surge alguém fazendo de um tudo pra se mostrar disponível, disposto, solicito...com atitude de se despencar sem reclamar de onde for, a hora que for, pra te ver...a gente se ilude e acredite que finalmente achou alguém que insistiria, apesar de todas as barreiras impostas.
E no final das contas, o máscara cai. O monstro aparece. Mas ele não é mais assustador que aquele que me olha no espelho todo dia, me relembrando as derrotas das minhas escolhas e da minha falta de sorte.

mercredi, avril 05, 2017

Vou lançar um livro.
Se chamará "A Pequena Coleção de Romances Falidos".
Com certeza encalhará em todas as prateleiras desse Brasil.
Aguardem.

jeudi, février 02, 2017

Ô semaninha...
Me colocando a prova, testando minha força. Física, mental, de vontade...
Minha palavra esse ano é mesmo determinação...
Podiam me dar calma também. Tô precisando.
Mas a cada dia nessa luta, eu só tenho a prova que realmente eu vim pra esse mundo fazer o que eu aceitei fazer.
Obrigada por todas as lições. Não vou decepcionar.

mercredi, janvier 25, 2017

Eu tô tão, mas tão, mas tão estressada, ocupada, cansada por conta de obra que se eu tivesse alguém na minha vida eu o negligenciaria e trocaria pela minha cama sem pestanejar.
Dizem que quem tem o sol e Marte na casa da carreira coloca muito sua energia nessa área. Agora tô vendo que é mesmo verdade.
Eu penso mais nos problemas e soluções relacionados ao meu empreendimento que eu já pensei em qualquer pessoa nessa minha vida. E olha que como uma boa canceriana eu quando me apaixono penso demais no objeto da minha paixão.
Até tirar meu sono essa minha nova empreitada tá conseguindo.
Deus sabe o que faz. Agradeço mesmo por ninguém ter ficado. Não era hora. Tô num foco só. Ainda bem.

vendredi, décembre 16, 2016

Eu tenho um anjinho preto em formato de linguiça que de vez em quando late.
Falo que ele é um anjo que apareceu no meu caminho porque não só me trouxe alegria, como me protege daqueles que não tem um bom coração ou boas intenções comigo e com a minha família.
Jorginho gosta de todo mundo. E gosta até demais. Chega a ser exagerado a quantidade de beijos e festa que ele faz com as pessoas. Mas se ele não gosta de alguém, o que é raro, aí tem.
Antes eu achava que ele não gostava por perceber de alguma maneira que eu também não ia muito com os cornos de alguém, mas nessa ultima semana ele me mostrou que não é bem assim que as coisas funcionam.
Ele definitivamente não gostou de alguém que eu estava completamente iludida achando ser um bom rapaz. Balançando o rabo em alerta e quando a criatura em questão tentou fazer festinha com ele, ele repeliu com patadas, tava indócil, sinalizou que não queria contato. Jorginho quase nunca age assim com alguém.
Eu estranhei, achei que ele tinha se assustado com a festinha muito efusiva, mas ele é daqueles que quanto mais festa, melhor.
Fato que eu senti uma energia estranha dessa segunda vez que eu encontrei "minha coincidência", muito diferente do primeiro contato. O que uma primeira impressão me sinalizou uma energia do bem, dessa vez senti algo oculto. Minha antena, assim como a do Jorginho, ficou alerta.
Acho que no final das contas, temos 2 conclusões: acreditar sempre na minha intuição e caso o coração insista em pregar uma peça, acreditar na intuição do meu anjinho de 4 patas.

jeudi, décembre 15, 2016


"És um senhor tão bonito 
Quanto a cara do meu filho 
Tempo tempo tempo tempo 
Vou te fazer um pedido 
Tempo tempo tempo tempo 
Compositor de destinos  
Tambor de todos os ritmos 
Tempo tempo tempo tempo  
Entro num acordo contigo 
Tempo tempo tempo tempo 
Por seres tão inventivo 
E pareceres contínuo 
Tempo tempo tempo tempo 
És um dos deuses mais lindos 
Tempo tempo tempo tempo 
Que sejas ainda mais vivo 
No som do meu estribilho 
Tempo tempo tempo tempo 
Ouve bem o que eu te digo 
Tempo tempo tempo tempo 
Peço-te o prazer legítimo 
E o movimento preciso 
Tempo tempo tempo tempo 
Quando o tempo for propício 
Tempo tempo tempo tempo 
De modo que o meu espírito 
Ganhe um brilho definitivo 
Tempo tempo tempo tempo 
E eu espalhe benefícios 
Tempo tempo tempo tempo 
O que usaremos pra isso 
Fica guardado em sigilo 
Tempo tempo tempo tempo 
Apenas contigo e comigo 
Tempo tempo tempo tempo 
E quando eu tiver saído 
Para fora do teu círculo 
Tempo tempo tempo tempo 
Não serei nem terás sido 
Tempo tempo tempo tempo 
Ainda assim acredito 
Ser possível reunirmo-nos 
Tempo tempo tempo tempo 
Num outro nível de vínculo 
Tempo tempo tempo tempo 
Portanto peço-te aquilo 
E te ofereço elogios 
Tempo tempo tempo tempo 
 Nas rimas do meu estilo 
Tempo tempo tempo tempo..."